Forum de cinema fantástico.


Космический рейс / The Space Voyage (1936) - Vasily Zhuravlev

Compartilhe
avatar
Zé da Adega
Ultimate Zombie
Ultimate Zombie

Número de Mensagens : 568
Pontos : 1905
Data de inscrição : 26/12/2014

Космический рейс / The Space Voyage (1936) - Vasily Zhuravlev

Mensagem por Zé da Adega em Qua Ago 05 2015, 02:47

Observação: Julgo que ainda não tinha partilhado esta critica por aqui, mas corrijam-me se eu me enganei. É uma crítica com dois anos, que merece a pena verem pela informação cientifica e pela história do cinema do lado de lá da cortina de ferro. Enquanto curiosidade este será um bom texto.

A Viagem Espacial* / Космический рейс



Título original: Космический рейс
*Título português não-oficial (tradução literal): A Viagem Espacial
Data de lançamento: 21 de Janeiro de 1936 (URSS)
Realizador: Vasily Zhuravlev
Género(s): Ficção Científica, Filme Mudo
Duração: 70 min
IMDB: http://www.imdb.com/title/tt0252612/
Wikipédia: http://en.wikipedia.org/wiki/Kosmicheskiy_reys:_Fantasticheskaya_novella


Sinopse:

Antecipação da ida do Homem à Lua, com consultadoria cientifíca, pela autoridade máxima soviética do assunto, o Professor Konstantin Tsiolkovsky, responsável por garantir que nenhuma imprecisão científica ocorria no filme, que de facto é profético na maioria dos conceitos correspondentes ao voo de Neil Armstrong, 34 anos depois. Os conceitos que o filme mostra, que ainda não se concretizaram, estão actualmente em cima da mesa, para futuras missões tripuladas inter-planetárias.

Trailer:



Curiosidades - Consultadoria Científica


Professor Konstantin Tsiolkovsky (1837-1935)

Autoridade máxima soviética, em voos interplanetários, tele-comunicação interplanetária, propulsão de foguetes, inventor do conceito de foguete "multi-stage", cápsula lunar, re-entrada na Terra com aterragem da cápsula em pára-quedas, anulação da aceleração de inércia, mediante imersão do astronauta em líquido, etc.

Galardoado com honras de estado, e consultor oficial deste filme, que exercia veto executivo em qualquer cena do filme, que violasse alguma Lei da Física. Faleceu pouco antes da estreia no filme.


Curiosidades - Proibição do filme, pouco após a sua estreia, pela ditadura soviética.

O filme foi proibido especificamente pelos saltos dos astronautas na Lua, serem considerados pouco credíveis-realísticos. A doutrina oficial do Realismo Soviético, proibia legalmente filmes da classe de Hollywood, considerados artificiais e uma falsa representação da realidade e natureza.

O filme só voltou a ser visto, durante a década de 1980, graças à Perestroika.

Curiosidades - Imagens de conceitos científicos correctos


Cápsula a aterrar de pára-quedas, após re-entrada atmosférica.


Imersão dos astronautas em líquido, com a mesma densidade do corpo humano, para eliminar a inércia das fortes acelerações (superiores às usadas pelas missões Apolo). Tecnologia a utilizar no futuro, e que permite o dogfight de caças espaciais (Star Wars, Galactica).


"Chinelo de Chumbo" para facilitar movimentos a 0,1 gravidades. Ainda não utilizada pela mesma razão de não ter sido ainda utilizada a bota magnética (os fatos pressurizados actuais são uma espécie de caixa metálica, que não permitem movimentação normal.)


Mapa com grelha da Lua, para orientação e navegação dos astronautas.

Cena com os astronautas submersos em água para, atráves da força contrária da impulsão, anular a inércia das acelerações extremas:



Estou a ter dificuldades com o frame-rate deste filme. Entretanto encontrei o video do século XXI com o Professor Michiu Kaku a demonstrar este conceito, que vou tentar carregar de seguida.

Poderei ainda editar esta mensagem, mas para já fica assim. Esta é a tal história que falei e descrevi na crítica do "Things To Come".

Entretanto carreguei a secção do documentário do século XXI do Prof. Michiu Kaku, que dá um primeiro suporte a este conceito. Eu tinha dito anteriormente que ele usou um ovo, mas afinal usou um balão:



Já agora eu aqui tenho umas reservas científicas, pois penso que qualquer aluno de física poderá colocar a seguinte questão:

- Ok, um balão com água não sente a aceleração da nave espacial (X-Fighter do Star Wars no exemplo do Prof. Michiu Kaku). Mas um homem tem uma boca com ar lá dentro, e um tracto respiratório até aos pulmóes com ar, que não têm a mesma densidade média do corpo humano semelhante à agua. Cá para mim um "gajo astronauta" morre logo com os pulmões esmagados, independentemente do dedo do pé ou da ponta da orelha ficar intacta.

O problema é que não tenho conhecimento deste tema ter sido discutido pela comunidade científica, e estes são os únicos casos que conheço.


Última edição por Zé da Adega em Sex Maio 05 2017, 23:59, editado 1 vez(es)
avatar
Zé da Adega
Ultimate Zombie
Ultimate Zombie

Número de Mensagens : 568
Pontos : 1905
Data de inscrição : 26/12/2014

Re: Космический рейс / The Space Voyage (1936) - Vasily Zhuravlev

Mensagem por Zé da Adega em Sex Maio 05 2017, 23:06

Trailer criado por mim

Reduzi o framerate de 24 para 18 imagens por segundo, na altura utilizavam-se os frame rates de 12 e 18 fps, mas a partir dos anos 1940 as distribuidoras (e cadeias de cinema) malandras não quiseram comprar projectores com motor de velocidade variável, e passavam os filmes acelerados em equipamento moderno. Toda a era da Televisão está contaminada com essa vigarice, que podia ser observada numa qualquer curta-metragem do Charlot na RTP, durante o século XX.

Ainda existe muita gente que pensa que os cameramen do antigamente, não sabiam dar à manivela com o ritmo certo, e nem a televisão da União Soviética escapou a esta intrujice.

Eu fiz o que pude para tentar rectificar a situação...



Todas as existentes versões estão aceleradas a 24 fps, conforme esta versão completa legendada no canal da RVision: https://www.youtube.com/watch?v=hDhJKzuOb2w

Citação interessante do wikipedia (eu já tinha referido isto, mas acho que ainda não existia este texto em inglês quando criei o tópico):

Kosmicheskiy reys: Fantasticheskaya novella was shot as a silent film and had only a brief release in early 1936 before being removed from circulation by Soviet censors, who felt that an animated sequence of cosmonauts hopping across the low-gravity lunar surface was antithetical to the spirit of "socialist realism." It was not widely seen again until the 1980s

Filme censurado por falta de realismo nos efeitos especiais revolucionários e pioneiros na História do Cinema de Ficção Científica! Isto é inacreditável dada a importância histórica deste filme, a sua qualidade técnica e o seu rigor científico. Criei o meu trailer enquanto apreciador da importância deste filme, e ficou longo porque eu corrigi o frame rate, eu devo ser a primeira pessoa a publicar footage deste filme, com o frame rate corrigido, por isso tenham paciência e tentem ver o meu vídeo até ao fim. bounce

    Data/hora atual: Sex Set 22 2017, 17:59